quarta-feira, 15 de junho de 2011

HOMOXESSUAIS: OS PROFETAS DO FIM DA HUMANIDADE. ASSIM TAMBÉM PENSAVA ENÉAS

A impressão que temos ao andarmos pelas ruas é que o mundo está mais gay. E põe gay nisso. Mas, você pode argumentar: isso sempre existiu, desde os primórdios. Pode até usar o exemplo de Sodoma e Gomorra para dar autoridade à sua afirmação. Isso é verdade; tenho que concordar: sempre existiu mesmo; mas as coisas estão diferentes agora. O mundo gosta dos gays. O mundo quer ser gay. Eles estão no auge. Certamente vivem seu melhor momento. Tudo conspira em favor dos gays. É PL-122, é parada gay, é amizade de políticos importantes e até ministros; é cair nas graças da mídia, é conquistar direito de beijar na boca de mulher bonita, ainda que seja só para dar ibope. Ser homossexual hoje em dia é fazer parte de um grupo de “intocáveis”, no bom sentido. É ter tratamento diferenciado do Estado, ter direito de casar, de adotar, de ser padre, de ser pastor, pai de santo nem se conta (essa já é uma antiga conquista), é ter direito a herança e até pensão alimentícia. Quanta diferença: antes, humilhados, perseguidos e lançados às fogueiras. Hoje, aplausos e holofotes fazem parte de suas rotinas.

Tornar o mundo gay é um dos principais projetos da mídia, encabeçada pela Rede Globo de televisão, ao lado de tornar o mundo espírita (postarei sobre isso em breve). Mas, a Globo (pessoa jurídica) é uma convenção; não existe de fato. Melhor dizendo, então, o projeto é um projeto pessoal dos gays que dominam a grande mídia. Eles querem tornar o mundo mais “colorido”, mais “homo-gêneo”. Veja o vídeo abaixo:

video

Não duvidem: os gays querem dominar o mundo. Estamos no meio de uma grande revolução: a “revolução purpurina”. Temos que tirar o chapéu; é uma grande sacada. Mas isso não é nada original. Estão tão somente copiando Herodes. Lembram? Aquele que cortou a cabeça de João Batista porque insistia em denunciar seu erro, seu pecado. Como não dá pra cortar a cabeça de todo mundo, que tal tornar todo mundo igual, até os “João”? Perfeito; brilhante.

Esse projeto tem como principal alvo as crianças. Muito material tem sido produzido com esse fim. É um projeto, originalmente, a longo prazo, mas, como já faz algum tempo que está em andamento podemos perceber, claramente, hoje, que está dando certo. Já perceberam que cada vez mais adolescentes de 12,13,14 anos estão assumindo sua identidade homossexual, como nunca visto antes? O momento é propício; até os pais aceitam numa boa. Mas isso não aconteceu de repente, por acaso. Nada muda de uma hora para outra. Isso é fruto de muita inteligência, poder de persuasão (via mídia) e trabalho duro. Um verdadeiro comprometimento com um projeto de vida. As investidas começam desde muito cedo através de mensagens subliminares contidas nos desenhos animados, filmes, músicas, livros e outras mídias. Lembram da antiga paródia a esse tipo de mensagem - “Compre baton, compre baton”- ?. É assim que funciona, só que não como paródia e sim numa linguagem imperceptível ao consciente: “seja gay, seja gay”. É uma violação à liberdade. Não há armas para lutar contra isso; elas chegam, queiramos ou não, ao nosso inconsciente, onde não dominamos; ali se instalam e, paulatinamente, vão sugestionando o indivíduo. Aqueles que não possuem (via família, religião, sociedade, etc) o antídoto, acabam sendo arrebanhados. Eis aí o resultado: homossexuais cada vez mais precoces.

Apesar da “tentação”, não vou citar a Bíblia. Todos já sabem que Deus abomina tais práticas, e, às vezes, pune severamente (Romanos capítulo 1 – op’s, desculpem, não resisti). Mas, como poderia Deus punir algo que já vem no DNA, no sangue, como se diz? Teria Ele esse direito já que, neste caso, o gay não tem escolha? Ou seja, já nasce gay? Não seria injustiça tal punição? São algumas indagações apologéticas feitas aos religiosos que, com argumentos religiosos, combatem e “denunciam” o “erro” ou o “pecado” do homossexualismo.

O entendimento atual da questão, é bom que se saiba, diferentemente do que foi no passado, não vê esse tipo de prática como uma doença ou ainda como uma ação demoníaca. É uma opção livre, racional e social. Bom, particularmente não concordo totalmente. Tenho problemas com a questão da “livre escolha”. Entendo que é uma situação forjada, um comportamento aprendido, mas, ao mesmo tempo, conduzido e direcionado, como já argumentei acima; se quiserem chamem isso de “teoria da conspiração”. Contudo, não nego: “escolher essa opção” é seguir a propensão natural que temos ao erro (a qualquer erro); é ativar o gatilho do mal que já existe em nós – somos naturalmente maus. Notem: o gatilho do mal já existe, como argumenta o filósofo Agostinho de Hipona, não o DNA do homossexualismo. O que quero mostrar, nesse momento, é tão somente que a argumentação da “livre escolha”, da “opção por ser gay”, acaba sendo “um tiro no próprio pé”, ou seja,  só reforça e dá munição aos religiosos.

Concluo essa breve análise com algumas perguntas: O que acontecerá com o “futuro” mundo gay? Quais os resultados se todos (menos eu, afinal, quem iria escrever sobre isso?), a bom termo, se engajarem no projeto mundial de tornar o mundo gay, colorido, homossexual?

Ora, por definição homossexualismo é a “atividade sexual entre dois indivíduos do mesmo sexo [...]adj. Relativo a afinidades ou atos sexuais entre pessoas do mesmo sexo”, conforme: http://www.dicionariodeportugues.com/?busca-palavra=homossexua.

Sendo assim, em 80 anos estará decretado o fim da humanidade.

O homossexualismo é, em última análise, uma pregação escatológica. É o anúncio do fim. Não do mundo, mas das pessoas. Os homossexuais, por conseguinte, são os “PROFETAS DO FIM DA HUMANIDADE”. Em escatologia diríamos que já estamos vivendo o “princípio das dores”.

Esse artigo foi  publicado originalmente em 19/03/2010. Resolvi reeditá-lo por dois motivos: primeiro porque depois de um ano o tema ainda continua na "crista da onda". Segundo - e o principal deles - porque encontrei uma entrevista do Drº e Deputado Federal Enéas Carneiro, ex-candidato à presidência da república, falando sobre a questão do homossexualismo e corroborando com o que argumentamos acima, em relação ao fim da humanidade provocado por uma hipotética adesão em massa ao homossexualismo. Eu não conhecia a entrevista quando da publicação desse original desse artigo, o que só ocorreu na data de sua reedição. Mas, como diz o ditado: "antes tarde do que nunca". Não deixe de assistir:

video

Percebem como o homossexualismo, na essência do seu conceito, é racionalmente inconcebível?

Ainda há muitas considerações a fazer sobre o assunto. Esperamos que nossos leitores complementem esse post, com seus comentários, análises e opiniões.

91 comentários:

  1. Pois é, a situação é mais séria do que possamos imaginar. É certo lembrar que, como afirma o adágio popular "um erro não justifica outro", ou seja, não acho correto, e penso que um ser humano com o menor estado de sã consciência, também pensará como eu, isto é, que os erros praticados (lançados na fogueiras, e etc) no passado para com os gays devam ser repetidos. Esse nunca foi, e jamais será o caminho. Porém, de fato, a situação mudou assustadoramente. Como nos lembra bem o artigo, os gays não surgiram hoje, mas, a sua presença no mundo já é de longas datas. Todavia, lembro que no meu período de infância (e isso não faz muito tempo, rs,rs,rs), podia-se contar nos dedos os gays que existiam. E mais, esses se portavam com "respeito", ou seja, não viviam como os de hoje, provocando as pessoas com seus os atos obscenos em tudo que é lugar. E digo mais, os gays do tempo da jovem-guarda, nem eles mesmos, concordam com os novos-gays. Eles acham ridículo tal postura. Lembro mais uma vez um ditado que diz: "Respeito é bom e eu gosto." Porém, surge uma pergunta: como ser respeitoso com alguém que não respeita? Como exigem respeito quando não se dão o respeito? Amo minha esposa, bem sei que ela também me ama, mas, não faz sentido em tudo que é lugar público que estejamos, estarmos nos abraçando, nos beijando...Mas, os gays estão PODENDO. E ai, de quem inventar falar alguma coisa. Prontamente (diante os direitos que agora tem), eles irão usar o bordão que é: "Mexe com quem tá quieto." Para finalizar, fico pensado na proposta da nossa sociedade pós-moderna, ou seja, a sociedade do VALE TUDO. Até hoje, nunca vir um casal afirmar:O nosso maior desejo é ter um filho(a)gay. Seja sincero, você já viu uma mulher grávida, ou o seu marido, quando perguntados sobre o desejo do sexo do filho se menino ou menina, um dos dois, ou até mesmo os dois afirmarem: Não desejamos nem menino, nem menina, queremos que o nosso herdeiro(a) seja gay. Você já viu alguém agindo assim? Eu não. Você já viu um casal preparando o quarto para chegada do filho(a) gay que vai nascer?( Imaginem acena: O quarto sendo decorado com um colorido arco-iris...). Deveriam proceder assim, já que é algo tão normal.

    ResponderExcluir
  2. Eu também vou ficar para escrever, ôxe!

    Parabéns pela avaliação do assunto.

    Falemos enquanto se pode.

    Gaspar

    ResponderExcluir
  3. Esse é o meu filósofo!!!! rsrsr

    Que bela exposição, Fábio!

    Mas preciso dizer uma coisa: os gays podem até dominarem o mundo, mas não dominarão minha consciência e nem a minha família!

    Infelizmente esse é o quadro social em que a próxima geração herdará. E o que mais me preocupa é que o meu filho fará parte dessa futura geração! Mas espero viver o bastante para ensinar o meu filho no caminho em que ele deve andar, pois quando crescer jamais se desviará dele (Pv 22.6).

    Espero que você não me processe, pois vou copiar este post em meu blog! rsrsrs

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. Prezado Fábio, Ariano Suassuna em suas aulas-espetáculo brinca dizendo que "na minha época isso era um absurdo; na do meu filho é normal; se na do meu neto for obrigatório, eu mudo de país". rsrs.

    ResponderExcluir
  5. Este seu texto, aliado a leitura do seu currículo exposto na lateral do blog só faz provar que a produção acadêmica de alguém realmente não reflete a sua real inteligência, tampouco o seu bom senso. Trocando em miúdos: está claro que você é um completo idiota.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Palavras sabias!

      Excluir
    2. perfeito Isa "idiota" defini bem...

      Excluir
  6. muito bom esse blog , é isso aí, Deus criou homem e mulher. o que vem depois disso é safadeza do diabo.

    ResponderExcluir
  7. Fábio, interessante a proposta do mundo atual. Não pudemos pensar diferente porque seremos tidos com preconceituosos. Mas, uma pergunta: Quando alguém não aceita o que eu também penso, via de regra, essa pessoa também não está sendo preconceituosa? Não pudems falar mais nada, só nos resta ouvir o que temos que fazer. E a regra já diz: Ficar "calado" e pronto. Falam tanto que os direitos são "iguais", mas iguais em quê? Basta ver a reação que muitos terão ao seu artigo. Prá começo de história, os adjetivos não te serão poupados. Prá começar: Coloca no teu lattes, Eu sou um idiota. Interessante essas pessoas, falam tanto em tolerância.

    ResponderExcluir
  8. wow professor fábio!!
    o título desse post foi bastante chocante...de fato o mundo está muito gay, pra todo lado é garotinho, pré adolescente e até crianças andando como protótipos de gays, o que mostra que são influenciadas desde cedo pela midia (principalmente televisiva) e muitas vezes de modo subjetivo...quando os pais vem perceber o garoto ou a garota, já está com todos os trejeitos homosexuais,o que de inicio era apenas uma brincadeira para todos...mas essa mensagem subliminar do batom garoto...compre batom, compre batom = seja gay, seja gay...eu não entendia dessa forma e adorava batom garoto, mesmo sendo um garoto comendo batom garoto!
    isso é gay...¬¬

    parabéns pelo blog prof!

    ResponderExcluir
  9. Ana

    Puxa vida, me perdoe pelo ledo engano, não imaginava que o "Filósofo Calvinista" se tratasse de uma mulher! Porque, se soubesse teria lhe tratado conforme o gênero correspondente, e não lhe chamado de UM completo idiota...

    Existem discursos que não merecem e nem devem mesmo ser refutados pelo tamanho do absurdo que carregam em si e pela quantidade de pressupostos equivocados de onde partem suas tentativas de argumentação.

    Se o autor do texto em questão (é você mesma?) tivesse se dado ao trabalho de ser ao menos verossímil, daria chance de um adversário tentar combatê-lo através da dialética. Mas, como este não é o caso deste ensaio, não foi possível esboçar qualquer contra-argumentação, dada a irracionalidade das "idéias" apresentadas.

    "Se todo mundo resolvesse virar homossexual" sabe o que aconteceria? Não aconteceria nada, dona inteligência rara! Já viu alguma vez na vida um cara que era doido por mulher, em sã consciência passar a gostar de homem?? Não se "decide" gostar disso ou daquilo, isso é uma questão que envolve muito mais fatores e não pode ser simplificada desse jeito que a senhora pretende.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Filosófo calvinista" corrigindo é uma idiota o texto não nerece comentários mas vou lançar um desjo meu que teu filho seja um lindo gay!!!!!

      Excluir
  10. Meu caro Izaías (Iza):

    Esperava mais de alguem que se diz "não idiota". Dos "não idiotas", meu caro, esperamos argumentos contundentes, sólidos e não xingamentos descabidos. Acha mesmo que classifando as pessoas dessa maneira irá modificar a realidade? Apresentei o que penso sobre o assunto. Porque não tenta refutar com argumentos coerentes? Fazendo isso as pessoas poderão até reconhecê-lo como um "não idiota". Mas, tenho a impressão que sua apelação é fruto do reconhecimento de que o que falei é a mais pura verdade. Se todos resolvessem ser homossexuais (no estrito conceito da palavra), você sabe, não sobraria ninguém para contar a história (além de mim) em 80 anos. Ou já inventeram uma forma de um homossexual engravidar? Refute isso se puder. Repito, o homossexualismo não tem nenhuma sustentação racional é é totalmente contrário à própria natureza.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenha dó como alguem que se julga inteligente pode imaginar que "por motivos de mídia ou comportamento social" todo o mundo se tornaria de uma hora pra outra gay, imagina a homoxessualidade faz parte da humanidade é um processo natural da vida humana, isso já esta nos planos Deus "uma forma de controle de natalidade" e claro o mundo fica melhor de se viver com algumas pessoas bonitas inteligentes, bem sucedidas, alegres divertidas etc, etc, etc ha e gays claro....

      Excluir
  11. Izaías....
    Desculpe...rs...quando postei o comentário não prestei atenção e acabei não vendo que minha esposa estava logada..rs.

    ResponderExcluir
  12. Izaiás:

    Vamos lá então. Vejo o que vc diz:

    "Já viu alguma vez na vida um cara que era doido por mulher, em sã consciência passar a gostar de homem?? Não se "decide" gostar disso ou daquilo".

    Por favor, esclareça. Estás tentando dizer que ser homossexual é uma questão de gen? Que não é uma opção ser gay? Se foi isso, estás "jogando" contra a classe. Falas como sendo algo que "pega" a pessoa e a pessoa não consegue se livrar. Seria uma doença? Uma modificação genética? Ou ainda alguma espécie de "predestinação às aversas" para ser gay? Isso acontece independentemente da vontade do indivíduo? Não se opta por ser gay, voluntária e livremente? Que destino, então. Seriam os homossexuais dignos de nossa pena? Seu argumento dá a entender ainda que a humanidade não corre nenhum perigo porque há aqueles que jamais seriam gays e, esses, seriam responsáveis pela continuação da raça (ou seja, fariam seu papel, segundo sua própria natureza). Bem, nesse caso você reconhece então que os homossexuais não estão fazendo seu papel, segundo a própria natureza; o que significa que suas práticas contrariam, definitivamente, o que é natural. Podemos chamar isso de aberração da natureza, segundo seus próprios pressupostos?

    ResponderExcluir
  13. Bem, eu realmente achei que o nome "Ana" não correspondia à foto do perfil, mas em todo caso...

    Estou dizendo que diversos fatores influenciam a ORIENTAÇÃO sexual de alguém, meu caro.

    Vou dar um pequeno exemplo: um casal tem um filho (menino) pequeno. O pai, sem jamais refletir a respeito, automaticamente compra carrinhos para ele brincar, roupinhas azuis para ele vestir e no decorrer dos anos vai ensinando todas as atividades masculinas que sabe. Isso é uma ORIENTAÇÃO sexual. O pai (hetero) está ensinando o filho a ser "homem" como ele é.

    Mas isto foi apenas um pequeno exemplo, como eu disse. Existem homens com muito menos testosterona que a maioria. O que isso significa na prática? Homens mais femininos - literalmente, é visível - com tom de voz mais finos, mais delicados no seu comportamento, com menos pelos no corpo e com muito menos gosto para atividades tipicamente masculinas, como xingar, jogar bola, 'cantar' mulheres etc. Neste caso, note que não há escolha a ser feita: o indivíduo macho nasceu com muito menos hormônios masculinos que os demais, e por isso ou tomará hormônios por vias artificiais ou se apegará a outros homens.

    Em relação a uma de suas últimas questões, eu respondo que não, o indivíduo homossexual não está indo de encontro à sua própria natureza, haja visto ele não ter inclinação natural para a procriação. E esse papel cabe aos espécimes heterossexuais da raça humana.

    P.S: Meu nome é I-s-a-i-a-s, escreve-se com "s", caso não tenha notado.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  14. Caro ISAIAS (desculpe...não havia prestado atenção e depois conheço um que é com "z")..rs.

    Bom, tendo admitido que ser homossexual é uma questão de "defeito genético" (já que nasce com muito menos hormônio que o "normal"), vc admite que é uma patologia, uma doença. Fico surpreso com tal afirmação. Os homossexuais não gostarão nada disso. Mas, se neste caso, segundo vc (que eu não concordo), haveria ainda uma opção de "tomar hormônios por vias artificiais", porque, então, "escolher" apegar-se a outro homem? Note que há aqui uma escolha. Neste caso, sua argumentação anterior (da não escolha) cai por terra. Parece que não estás muito certo acerca das causas do homossexualismo ou então vc discorda real e conscientemente (que acho que não é o caso) da definição dos próprios homossexuais.

    Uma curiosidade ainda. Não queria entrar no mérito da questão. Espero até que nossos leitores possam abordar esta questão, mas: Você é Cristão? Frequenta alguma igreja?

    ResponderExcluir
  15. Ou você é realmente um idiota completo ou finge muito bem.

    Eu apontei algumas das possíveis causas da homossexualidade, dentre elas, evidentemente, encontra-se o fato de muitos homens nascerem com menos hormônios masculinos que o normal, da mesma forma como muitas mulheres nascem com mais testosterona que o padrão feminino. Tomar isso como um "defeito genético" em sentido pejorativo para chamar os homossexuais de "doentes" é, no mínimo, uma canalhice da sua parte e uma desonestidade intelectual sem tamanho.

    Admira-me o fato de você cogitar a hipótese, com uma certa naturalidade, de um homem na situação acima tomar hormônios masculinos por via artificial, uma vez que se ele resolvesse em vez disso tomar (mais) hormônios femininos isto certamente seria considerado uma "aberração" por sua parte.

    Nestes casos, existe sim uma escolha, a saber: entre aceitar-se da maneira como se nasceu ou lutar a sua própria natureza (do indivíduo propriamente dito, não do gênero masculino em geral).

    Eu não estou muito certo a respeito das causas da homossexualidade? E você, está? Você só fala do que ouve outros dizerem, mas eu falo do que vivo e sinto desde que me conheço por gente. Não me parece que você seja alguma autoridade - em quaisquer sentidos - para questionar o meu conhecimento acerca do tema em debate.

    Sim, eu procuro ser um imitador do Cristo, mas certamente não um cristão como você.

    ResponderExcluir
  16. No quarto parágrafo do comentário anterior, leia-se:

    Nestes casos, existe sim uma escolha, a saber: entre aceitar-se da maneira como se nasceu ou lutar contra a sua própria natureza (do indivíduo propriamente dito, não do gênero masculino em geral).

    ResponderExcluir
  17. certamente este I.S.A.I.A.S,e uma bicha recolhida,Deus fez homem e mulher,vai aruma uma mulher viado.

    ResponderExcluir
  18. Caríssimo Isaías:

    Ainda não estou certo se sou um completo idiota. Pode ser que estejas com a razão. Eu realmente penso nessa possibilidade. Aliás, é exatamente isso que me motiva a pesquisar, a questionar, a buscar algum tipo de conhecimento. Pois não quero viver na "escuridão da caverna". Sim, exatamente: o reconhecimento de minha completa ignorância e, se assim quiser, idiotice. Diferentemente dos "sábios" que julgam conhecer as coisas já de antemão, o filósofo tem essa característica, ou seja, reconhece que "não sabe de nada". Se formos para a teologia aí o caso piora sensivelmente. Somos "totalmente depravados", "mortos em nossos delitos e pecados", alheios a Deus, injustos e destituídos de Sua presença, tendo como única esperança a "esmola" de Deus (no sentido de sermos tal qual mendigos espirituais, não no sentido de atribuir valar a algo que simplesmente excede a qualquer número que possamos conhecer), a graça de Deus, que por definição é "Favor não merecido".

    Eu não tomei nada como "defeito genético". Até deixei claro que não concordo com esse pensamento. Fiz apenas uma análise de seus argumentos. Que aliás, você acaba de deixar claro. Se existem outros fatores que levam ao homossexualismo, em sua opinião, reforçada agora (que eu não concordo, repito), vc considera também a possibilidade de "falha genética" (se não gosta dessa expressão, sinto muito; é exatamente o que vc está dizendo. Obviamente que aquele que "nasce" com o nível de hormônio "anormal" (tanto para mais quanto para menos) nasce com um defeito genético, nasce doente (segundo suas próprias palavras). Mas note, eu não concordo com você. Não entendo que essa alteração hormonal seja uma das causas do homossexualismo, como vc coloca.

    Você mistura os conceitos, talvez de forma proposital. O que define a "natureza" de um ser é exatamente o seu "gênero" e não suas "peculiaridades individuais". Nunca leu sobre as categorias de Aristóteles ou sobre a teoria do conhecimento de Platão? Ou seja, o sexo masculino (gênero) é o mesmo, não importando se branco, negro, amarelo ou vermelho; se com algum defeito no braço ou na perna; se cego ou surdo, se com HIV ou se com uma quantidae de hormônio menor ou maior. Não temos aí vários "tipos" de "natureza" ou de "gêneros". Todos esses são "homens", "machos", ou "mulheres", "fêmeas". Não existe outra opção. Qualquer tentativa de mudar isso (ilusória) é e será sempre um grande engodo, uma sofisma, verdadeiramente; um auto-engano.

    Veja o que você diz "eu falo do que vivo e sinto desde que me conheço por gente". Desde quanto, caro Isaías, só podemos conhecer as coisas se as percepcionarmos com nossos sentidos? Não seja tão impirista....rs. Você mesmo, em um dos seus comentários falou em "dialética". Em última análise, meu caro, "aquele que está imerso em uma realidade é exatamente o que tem menos condições de conhecer as verdades sobre ela". Não seja "sábio", assuma a postura que os filósofos assumem. Reconhecer a ignorância é um excelente começo.

    Só por cuiosidade: quando vc diz ser "imitador de Cristo", está querendo levantar a possibilidade Dele ter sido também "homossexual"? Ou ainda ensinar tais práticas?

    Tudo de bom!

    ResponderExcluir
  19. Prezado Anônimo:

    Obrigado por sua visita. Não modero os comentários desse blog, pois considero todas as opiniões importantes, porém, vamos tentar debater a questão ok?

    ResponderExcluir
  20. Bem gente, tenho acompanhado o debate, e acho interessante esse espaço, tendo em vista a liberdade de expressão. Não posso negar que, fiquei preocupado com o "simples" exemplo utilizado por Isaías. No dado momento para defender o seu argumento ele diz: " (...)Homens mais femininos - literalmente, é visível - com tom de voz mais finos, mais delicados no seu comportamento, com menos pelos no corpo e com muito menos gosto para atividades tipicamente masculinas, como xingar, jogar bola, 'cantar' mulheres etc.(...)." Penso que o argumento é fruto do padrão que é determinado pela nossa sociedade, e não um padrão científico ou bíblico. Pois, ter uma voz fina, ser delicado no comportamento, não significa que tal pessoa seja gay. Há muitos gays que falam grosso e são muitíssimos deselegantes. Nem tão pouco, o simples fato de ter bastante pêlo no corpo, isso garanta a masculinidade de alguém. Há gays que são mais peludos do que um macaco. Quais são as atividades tipicamente masculina? Será que pudemos afirma que é o futebol de campo? Se sim, penso que é outro argumento furado, tendo em vista que, hoje já existe futebol feminino. Sem falar que, nem todos que não gostam de futebol seja um candidato a ser gay. Tenho alguns amigos que detestam futebol, mas, gostam de voley, e não são gays. Outro argumento que é utilizado é que, alguns tem dificuldade em xingar, cantar mulheres, etc. Penso que isso tem mais haver com o próprio temperamento da pessoa, e não com a sua sexualidade. Prova disso é ver que existem mulheres que são bem mais "brabas", tem mais iniciativas, do que muitos homens. Bem, essas são umas poucas observações.

    ResponderExcluir
  21. Acompanhando o debate, pude notar uma disputa entre “a razão e a emoção”, desculpem-me, melhor dizer, “a razão e o descontrole emocional”, pois, argumentos sólidos serem combatido por possíveis “causas” do homossexualismo (se é que existe causa pra isso) é um absurdo.

    Os gays dizem que é por isso ou aquilo que optaram em ser desse jeito, e cada vez mais, tenta influenciar mais e mais jovens a esse mundo de horror, sabemos que, nesta vida ninguém quer estar nas trevas sozinho (eu morro, mas levo você comigo), eles lutam pela reificação do homossexualismo, para que faça parte do mundo que a eles não pertencem (Deus criou “o homem e a mulher e a eles deu-lhes o mundo para viver”), como pode a edificação de um ser que não é originalmente criado, e sim modificado?

    Parabéns pela exposição de um assunto tão perturbador de maneira clara e objetiva, a falta de estrutura e orientação esta refletindo nesse “mundo gay”, fazendo os jovens, sem base familiar, terem essa opção sexual.
    O mundo pode esta mais gay, mas sempre haverá pessoas, nós, para alertar a todos sobre esta conspiração.

    ResponderExcluir
  22. Perceba a contradição implícita no seu pensamento. Você julga ser a heterossexualidade a mais correta/acertada ou qualquer outro sinônimo, haja visto ela "ter sido instituida por Deus", sendo assim, "natural". Seguindo o seu raciocínio, o indivíduo não precisa "optar" pela heterossexualidade ou fazer qualquer esforço para ser um heterossexual e, por conseguinte conclui-se que "tudo o que é natural é bom". Entretanto, se um menino nasce mais feminino (por motivos hormonais) que o ESTEREÓTIPO social imposto a ele pelo imaginário de um determinado povo, em dada época, isso você não julga como sendo natural (nasceu assim) e, portanto, algo bom, a ser apreciado, e não censurado.

    Eu não misturo nada, você é que tem a sua mentalidade ainda na época dos pensadores que você citou - e olhe lá... Um indivíduo macho que se sinta uma mulher, por exemplo, não deixará de ser "macho" - a menos que faça a cirurgia de readequação genital - mas o PAPEL SOCIAL dele será outro, distinto do mesmo "macho" heterossexual. A identidade sexual é socialmente construida. Admira-me você não ter tocado no primeiro exemplo que dei: do pai hetero orientando sexualmente seu filho à heterossexualidade. É uma construção. Quem sabe se o menino que brinca de carrinho não iria gostar ainda mais de bonecas? Ou se ao invés de azul ele gostasse mesmo é de rosa? E se em vez de casar-se e ter filhos ele tivesse um parceiro homoafetivo? Construção, meu caro.

    Eu não quis dizer nada, caro Filósofo. Leia meu blog e veja que eu não sou um homem de "querer dizer coisas"... o que tenciono dizer, digo-o por completo ou então me calo.

    Não sei qual era a orientação sexual de Jesus, mas sei que alguma ele tinha, mesmo que não praticasse sexo. Senão ele não seria humano.

    Sou sim um "imitador do Cristo". Curioso: esta frase deveria soar tão familiar pra você, um erudito das Escrituras, por que tentar distorcer propositalmente o sentido das minhas palavras? Não lembrou de Paulo: "Sede meus imitadores assim como eu sou de Cristo"?

    Saudações, e retiro o "idiota completo". Mas as suas idéias expressadas no texto em questão continuam faltando com um mínimo de bom-senso.

    ResponderExcluir
  23. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  24. Isaías diz:

    "Nestes casos, existe sim uma escolha, a saber: entre aceitar-se da maneira como se nasceu ou lutar a sua própria natureza (do indivíduo propriamente dito, não do gênero masculino em geral)".

    Quer dizer que o ser humano nasce "neutro" com relação ao sexo?

    Imagine a cena: a futura mamãe indo fazer ultrassom para sabre o sexo da criança e ouve do médico: "minha senhora, no momento não posso dizer que é um menino ou menina. Isso vai depender de como você vai orientar essa criança! Eu tô vendo aqui um pênis, mas isso não quer dizer nada, pois a identidade sexual dela será construída pela sociedade!".

    "A identidade sexual é socialmente construida". Essa foi a declaração mais ridícula que já li na internet em 2010 (e olhe que o ano só começou agora! rsrsrs).

    Romanos 1.26,27: "Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas por outro, contrário à natureza; semelhantemente, os homens também, deixando o contato natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro".

    Note que Deus fala que as mulheres "mudaram o modo natural" de suas relações sexuais, e depois afirma que os homens também mudaram o modo natural, deixando "o contato natural da mulher". E mais, Deus fala que a mudança do modo natural das relações íntimas é contrário à natureza. Ou seja, faz parte da natureza do homem gostar de mulher e da mulher gostar do homem.

    Então Isaías, a identidade sexual não provém de "orientações" da sociedade, mas provém da própria natureza do ser humano. É "natural" que o homem tenha contato sexual com mulher (e vice-versa).

    Logo, a conclusão é que qualquer contato sexual homossexual é tido por "não natural", "imundícia", "torpeza", "disposição mental reprovável", "erro", "coisas inconvenientes" e "passíveis de morte" (leia Romanos 1.18-32).

    Isaías, você não é um imitador de Cristo! Quem imita a Cristo, imita seu estilo de vida e seus ensinos. Cristo nunca foi a favor do homossexualismo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Heitor então porque Deus colocou esse desejo em alguns seres humanos, creio que quando sinto o cheiro de outro homem que me atrai qdo minha pele se arrepia, meu coração acelera e meu corpo treme são sentimentos que estão intrínseco em mim pecado seria eu casar trair a esposa e como sustentar usa união já que não ha desejo pelo sexo oposto?

      Excluir
  25. Isaías,

    Veja como começa Romanos 1.18: "A ira de Deus se revela do céu contra toda impiedade e perversão dos homens que detêm a verdade pela injustiça".

    Interessante é que o versículo que dá início ao contexto do assunto da homossexualidade em Romanos (1.18) não trata a questão da homossexualidade como um problema "genético", ou um problema de "orientação social", mas trata a questão como "impiedade e perversão dos homens".

    Portanto, não adianta argumentar. Toda e qualquer argumentação a favor da homossexualidade é contrário a Bíblia e ponto final.

    Isaías, leia Romanos 1.32: "Ora, conhecendo eles a sentença de Deus, de que são passíveis de morte os que tais coisas praticam, não somente as fazem, mas também aprovam os que assim procedem".

    Você pratica o homossexualismo? Aprova os que assim o fazem?

    ResponderExcluir
  26. Heitor

    Rapaz, eu teria até medo de pessoas como você, se um dia eu mesmo não tivesse sido muito parecido - e até pior.

    Tu dizes:

    "...não trata a questão da homossexualidade como um problema 'genético', ou um problema de "'orientação social'"...

    É, seria bem curioso mesmo se há mais de 2000 anos alguém já estivesse empregando expressões que seriam cunhadas apenas nos séculos XX e XXI...

    Leia meu blog, não gosto de dar respostas óbvias...

    Quem é "A Bíblia" para você, meu caro? Pra mim a Bíblia é Jesus. Tudo fora dele não tem valor. E ele nunca proferiru palavra contra a homossexualidade. Prove-me o contrário.

    Ei, pare de pensar em citar novamente Paulo! Eu disse: cite-me Jesus condenando a prática da homossexualidade. Jesus; preciso soletrar igual fiz com o meu nome? Ou quer que desenhe?

    ResponderExcluir
  27. olha va ler a biblia, la em 1 corintios 6;9 fala que os efeminados ñ herdarão o reino de DEUS , quem quiser ser gay q seja mas não diga q é normal, e tem mais VAI ARDER NO FOGO DO INFERNO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Filho quem disse que esta palavra "efeminado" foi traduzida corretamente na bíblia onde vc viu Jeus Cristo condenar alguem? se vc não é pecador joque a primeira pedra deixe de Hipocrisia..

      Excluir
  28. A Bíblia afirma que Deus criou o HOMEM e a mulher, para viverem juntos, terem filhos. Deus criou ADÃO e EVA, e não ADÃO E IVO.
    O argumento de Cristo não ter falado explicitamente sobre homossexualismo, não significa que Ele foi a favor. Mostre algum texto que Cristo defenda. Há tantas coisas que Cristo não falou contra, mas, nem por isso as pessoas fazem. Exemplos: Tomar veneno, joga-se na frente de um carro, etc. (É certo que alguns que perderam o juízo acabaram fazendo).
    Esse assunto me fez lembra o "poeta" Falcão, quando afirmou: "Porque HOMEM É HOMEM, MENINO É MENINO, MACACO É MACACO, E...É..."

    ResponderExcluir
  29. História e Debate

    Nossa, estou impressionado com a profundidade dos seus argumentos! Você e o "Filósofo Calvinista" se conheceram na universidade?

    O seu exemplo do "Adão e Eva e não Adão e Ivo" é simplesmnete patético.

    Ops, sem desonestidade intelectual pra cima de mim, amigo! Quem vive alardeando que a homossexualidade é pecado são vocês, cristãos tradicionais. É a vocês que cabe provar que Jesus condenou a homossexualidade, e não a mim provar que ele não a condenou.

    Ora, o silêncio dele sobre um assunto tão relevante e antigo, como é o caso da homossexualidade, demonstra por si mesmo que Jesus não a condenou.

    E, evidentemente, você não poderia deixar de fechar o seu comentário no seu melhor estilo, citando outro Filósofo brasileiro, Falcão...

    ResponderExcluir
  30. Prezado Isaías:

    Em primeiro lugar História e Debate chamou Falcão de "poeta" e não de filósofo..rs. Gostaria de vê-lo comentando sobre a parte que ele diz o seguinte:

    "Há tantas coisas que Cristo não falou contra, mas, nem por isso as pessoas fazem. Exemplos: Tomar veneno, joga-se na frente de um carro, etc". Essa argumento é interessante, não se prenda às brincadeiras; elas são até importante para quebrar o clima.

    Outra coisa que me intriga é seu argumento falacioso de que "a bíblia pra você é Jesus". Por favor não use sofismas para defender seus argumentos. Alguns desavisados podem até achar um argumento bonito e carregado de espiritualidade.

    Como e de onde vc conhece Jesus? Não é por meio da bíblia, que por definição é "coleção de livros sagrados" e não uma palavra isolada? (pelo menos não conheço outra fonte mais rica, até mesmo para estudos do Jesus histórico).

    Quer dizer, então, que apenas algumas partes que não nos confrontam e também aquelas que nos são agradáveis que devemos considerar como "bíblia"? Permita-me usar sua expressão favorita: "isso é desonestidade intelectual". Mas esse empreendimento não é nada original, meu caro. Marcion também desprezava boa parte dos escritos bíblicos porque era um anti-semita. Tudo que se relacionava a Judeus, dizia ele, "não é bíblia". Muito interessante vc utilar-se do mesmo discurso de um anti-semita, logo vc, meu caro, que luta pelo direito das minorias (por enquanto)?


    Corrção do comentário anterior: onde se lê "impirismo", leia-se "empirismo"

    ResponderExcluir
  31. Na realidade não somos nós que afirmamos que homossexualidade é pecado. É a própria BÍBLIA que afirma. Você viu inúmeros versículos supracitados que condena tal pratica. Diferentemente, você não usou uma vírgula sequer das Escrituras para defender o que pensa. Detalhe:Sendo patético ou não o argumento de Adão e Eva (e não Adão e Ivo), lhe faço uma pergunta: Foi ou não foi assim (que as coisas aconteceram)? Meu caro, se você de fato se diz seguidor de Cristo, você há de concordar que o conhecimento que pudemos ter sobre Ele é proveniente das Escrituras. Certo? Nesse caso, para nós as Escrituras ela é COMPLETAMENTE a Palavra de Deus, e não de Paulo, de Tiago, João e etc. O que Paulo afirmou, afirmou segundo não a sua própria vontade, mas, segundo a vontade de Deus. Pense seriamente sobre isso.

    ResponderExcluir
  32. Filósofo

    Eu já disse e repito que a Bíblia é Jesus. Ele é o Verbo encarnado, e fora dele não há verdade alguma. Mas, volto a lhe perguntar: para você, quem é a bíblia?

    Muita arrogância da sua parte questionar de onde eu conheço o Cristo. Sua atitude é semelhante aos dos discípulos quando foram até o Mestre querendo que ele mandasse um cara parar de pregar em seu nome, já que ele não era "do grupo dos 12". Só porque eu não sou da sua panelinha igrejeira, muito menos do clã de Calvino eu não posso conhecer a Jesus e tentar imitá-lo?? Qual a sua base bíblica para dizer que uma pessoa precisa pertencer a uma igreja física para ser um cristão?

    Sinceramente, se você estudou tanto, para terminar citando o "sábio" Falcão, eu me retiro do embate, pode ser?

    Rapaz, eu ia dizer isso em outro comentário e acabei me esquecendo: você pode não ser um idiota completo, mas com certeza é muito venenoso. Primeiro, quis botar na minha boca que "homossexuais são doentes" (note as aspas, Mestre Espertinho). Agora, quer dizer que "eu sou antisemita" pelo fato de SUPOSTAMENTE a minha fala ter algo a ver com Marcion, a quem nunca li.

    Realmente, voce não tem ética ao lançar mão de um arsenal de mentiras, sofismas e hilações para tentar desvirtuar a fala do seu adversário. E isso se chama mesmo desonestidade intelectual.

    ResponderExcluir
  33. História

    E quem é a Bíblia?? Meu Deus do céu!!!! Não percebem que precisam me responder essa pergunta??!! Crêem no que? Num amontoado de pergaminhos velhos e empoeirados, ou creem no Cristo vivo de Deus?

    ResponderExcluir
  34. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  35. Se você soubesse o quanto colocações como essas suas contribuem com a nossa causa, você é quem se enforcaria.

    Grato.

    ResponderExcluir
  36. PARABENS PRESBITERO PELO SEU BLOG,E PELO ASSUNTO ABORDADO POIS MOSTRA QUE ESTE ASSUNTO E MUITO IMPORTANTE,POIS QUEM PRATICA ESTAS COISAS SAO REPROVADA POR DEUS,POIS O CARO ISAIAS DEFENDE ARDENTEMENTE A SUA PRATICA,ELE FALA DA BIBLIA COMO TIVESE INTIMIDADE COM ELA,ELE NAO LEU O QUE DEUS FEZ COM SODOMA E GOMORRA [REF.GENESIS CAP.18 AO CAP.19].LEVITICO CAP.20 VS13.ROMANOS CAP.1 VS18 A 27.CARO ISAIAS LEIA ESTES TEXTOS,POIS OS HOMOSSEXUAL SAO ABOMINAVEIS DIANTE DE DEUS,VOCE FALA MUITO DE JESUS DIZENDO QUE ELE NAO CONDENA TUA PRATICA MAIS DE QUAL JESUS QUE TU FALAS ACHO QUE E DO Jesus Luz,O jesus DA CANTORA MADONA.POIS O JESUS SALVADOR ESTE TE CONDENA POIS DEUS PAI,DEUS FILHO E DEUS ESPIRITO SAO SO UM,POIS CHAMAMOS DE TRINDADE POIS DEUS PAI QUE E O CRIADOR DESTRUIO SODOMA E GOMORRA E UMA PROVA QUE A PALAVRA DELE TE CONDENA PELA TUA PATICA,POI NAO QUESTIONA O QUE E INQUESTIONAVEL,POIS ISTO E UMA PROVA QUE ESTAIS APELANDO,SE QUERES CONTINUA ASSIM CONTINUI MAIS NAO QUEIRA QUE NOS BASIADOS NA PALAVRA DE DEUS NAO DIGA QUE TU E ESTES TEUS AMIGOS COLORIDOS,SAO UMA ABOMINACAO.

    ResponderExcluir
  37. Ísaías,

    Pare com esse seu intelectualismo vazio! "quem é a bíblia?" é uma pergunta das mais idiotas! A Bíblia não é ninguém! Ela não é um ser, mas é a revelação da vontade de Deus na pessoa de Jesus Cristo. Deus fala hoje através de Cristo (Hebreus 1.2).

    Isaías, é ridículo a sua atitude de querer separar os ensinos de Paulo com os ensinos de Jesus. lembra dos textos de Romanos que citei? Pois bem, Em Romanos 1.1 lemos: "Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para ser apóstolo, separado para o evangelho de Deus...".

    Note que Paulo prepara os leitores romanos para aceitarem os seus ensinos como ensinos de Cristo, pois ele foi "chamado" por Jesus e "separado" para pregar o evangelho que os romanos passariam a ler.

    Ora, como podemos taxar Paulo de "discípulo" de Jesus, se Paulo ensina coisas que Jesus nunca ensinou? Você não acha estranho Paulo dizer que foi chamado por Jesus para ensinar algo que o próprio Jesus nunca ensinou?

    Por favor, leia 2Coríntios 10 e 11. Nestes capítulos, Paulo faz uma defesa do seu apostolado. O interesse de Paulo é mostrar que o seu apostolado provinha do chamado de Jesus. Veja o que ele diz em 2Co 11.10: "A verdade de Cristo está em mim...".

    Perceba, Paulo diz que a verdade de Cristo está nele. Agora veja o que o próprio Paulo escreveu a esta mesma igreja dos coríntios em 1 Coríntios 6.9:

    "Ou não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas...".

    Ora, ora, ora.. O que vc me diz? Se a verdade de Cristo está em Paulo, e Paulo diz o que diz sobre os homossexuais, então o que se conclui? Veja o silogismo:

    1) Paulo ensina a verdade de Cristo.

    2) Paulo fala contra o homossexualismo.


    Conclusão...

    3) A verdade de Cristo é contra o homossexualismo.

    Isaías, Isaías, Isaías. Não me venha com esse falso intelectualismo querendo fazer separação entre os dizeres de Paulo e os de Jesus.

    Confesse que a verdade é dura! E dói! Paulo, com a autoridade de Jesus, diz que o homossexualismo é pecado!

    A propósito, você diz: "Só porque eu não sou da sua panelinha igrejeira, muito menos do clã de Calvino eu não posso conhecer a Jesus e tentar imitá-lo??". Não precisa ser da nossa igreja para imitar a Cristo! Não precisa ser do clã de Calvino para imitar a Cristo!

    Mas... o que você precisa para conhecer e imitar a Cristo? Você acha que conhece e imita a Cristo se deitando com um outro homem na cama?

    ResponderExcluir
  38. Heitor

    Então pare com essa sua teologia vazia, oras! A Bíblia não é ninguém?? E Jesus não é também o Verbo encarnado?? Nossa, Lutero, Calvino e Cia. ltda. devem estar se revirando em suas catacumbas nesse momento!

    Ridícula é a sua ofensiva ante a sua visível incapacidade de responder aos meus questionamentos.

    Falando nisso, e seu eu não fosse um cristão? E se eu não conhecesse a Palavra, como é que eu ficaria? Ninguém iria me explicar por que é que eu, um homossexual iria pro inferno, mesmo Jesus nunca tendo dito isto??

    Paulo escrevia para situações específicas, seus conselhos eram locais, regionais. Os ensinamentos de Jesus são universais. É por isso que Paulo não pode suplantar Jesus. É como se Jesus fosse a Constituição Federal do Brasil e as cartas do Paulo fossem Constituições de estados da Federação. Cada estado tem as suas leis, mas estas leis jamais podem ferir a lei maior, a Carta Magna que é a Constituição Federal.

    Seu último exemplo é incomentável, mas vou fazer como Jesus fazia com os fariseus: vou responder uma pergunta capciosa com outra pergunta. E você, acha que conhece e imita ao Cristo só porque transa com uma mulher??

    O mais irônico é que Jesus nunca se deitou com uma mulher em toda sua vida. E olha que eu NÃO estou querendo dizer absolutamente nada com isso...

    ResponderExcluir
  39. Isa,

    Seus questionamentos são infundadas e historicamente condenadas!

    Você pensa que não posso responder aos seus questionamentos. Pois deixa eu te dizer uma coisa: Não sou eu que vou responder a você. A VERDADE não pode ser estabelecida se eu conseguir responder a você! A VERDADE BÍBLICA já respondeu aos seus questionamentos. Ela já está estabelecida e você simplesmente sentirá as conseqüências dela!

    Já dá pra perceber que tipo de gente estou me dando pelo simples fato de vc querer transformar uma verdade bíblica atemporal em uma verdade direcionada regionalmente!

    Se você não fosse um cristão? Se você não conhecesse a Palavra, como é que você ficaria? Você ficaria indesculpável, da mesma forma que está agora!

    Eu conheço as verdades de Cristo e é por isso que eu as pratico, inclusive me deitando com uma mulher!!!! ah, ah, ah... Você é que não conhece o mandamento bíblico por se deitar com homem!!!!!

    O que aconteceu com as escolhas?

    "Coma a Bíblia!" Romanos 1.18-32 parece que foi escrita pra você!!!!!

    ResponderExcluir
  40. Acabou de confessar que não pode responder aos meus questionamntos. Eu vou sentir as conseqüências? Ótimo.

    Eu quero direcionar alguma coisa? Os grandes exemplos de "ódio divino à homossexualidade" dados por vocês: a destruição de Sodoma (regional) e alguns escritos do Paulo (regionais). Elm lugar algum diz, por exemplo, que Deus mandou o dilúvio porque os homens estavam fazendo sexo entre si.

    Quer dizer que transando com a sua mulher você está "praticando uma verdade de Cristo"? Gozado... E eu pensando que você só estava se divertindo; ainda mais pelo fato de a sua mulher usar métodos anticoncepcionais para impedir a ordenança divina do "crescei e multiplicai-vos"...

    Não, romanos 1.18:32 não foi escrito pra mim. Você é quem parece precisar atribuir uma autoridade incomum àquelas proibições... Não entendeu? Compreendo...

    ResponderExcluir
  41. Julgando pessoas sem conhecer, Iza?

    Tenho um filho sabia? Estou cumprindo a ordem de "crescei e multiplicai-vos".

    Bom, o que tinha pra dizer eu á disse. E não sou de ficar repetindo uma coisa várias vezes.

    Portanto, Iza, Passar bem...

    ResponderExcluir
  42. Onde se lê "Bom, o que tinha pra dizer eu á disse", leia-se "Bom, o que tinha pra dizer eu já disse".

    ResponderExcluir
  43. A Verdade de Deus sempre triunfará, a despeito da mentalidade carnal da sociedade, com suas insinuações pecaminosas e práticas libidinosas.

    Conforme disse acima, os homossexuais não dominarão minha consciência. A minha consciência está cativa à Palavra de Deus.

    Não podem impedir que eu fale, mesmo que seja em algemas. E mesmo que eu morra por causa disso, levantar-se-á dois falando mais alto e mais forte ainda!

    Esse é o poder do evangelho de Cristo!

    ResponderExcluir
  44. ANÔNIMO DISSE EM 23/03/2010:

    I.S.A.I.A.S ,o teu problema e que tu queres que aceitemos pessoas da tua classe sexual....


    CARO ANÔNIMO:

    Quero agradecer suas visitas em nosso blog. É sempre bom recebê-lo.Prezo pelo debate e liberdade de expressão; tanto é assim que não há nenhum tipo de moderação nos comentários desse blog, ou seja, o comentábio é publicado automaticamente.

    Contudo, não posso permitir comentários "homofóbicos ou de qualquer natureza de racismo".

    Por esse motivo, seu comentário foi excluído.

    Utilizemos o espaço para debater idéias e, até mesmo, convencer os incautos, caso julguemos necessário, nunca porém, para denigrir e humilhar ok?

    Algumas expressões mais "fortes" são perfeitamente admissíveis, como por exemplo, o "completamente idiota", do Isaías e o "ridículo" de Heitor. Isso faz parte do debate, mas não passemos dos limites ok?

    Espero que entenda. Continue à vontade para
    comentar, dentro dos moldes que falamos acima.

    Isaías, peço desculpas, pois só agora percebi esse comentário.

    ResponderExcluir
  45. olha vejo que isa , visita muito o blog que bom continue assim viu , lendo os artigos, debatendo, pois com certeza vai aprender algo com o filósofo. e quem sabe até virar hominho hein ja pensou!!!!!!

    ResponderExcluir
  46. Prezados RICARDO e FERNANDO:

    Partes dos seus comentários foram EXCLUÍDAS por conter comentários HOMOFÓBICOS e RACISTAS, passando a ter a redação conforme abaixo. Não posso permitir esse tipo de tratamento que é, inclusive, contra os pressupostos do cristianismo. Espero que entendam. Peço que exponham suas posições sem, contudo, utiliza-se desse expediente ok?

    RICARDO LIMA disse...

    Caro!Heitor,nao tenho duvida da tu masculinidade,mais tem cuidado por chamar XXXXXXXXX de Isa,pois pode soar estranho pois podes esta chamando de Isabel ou Isadora,ou para XXXXXXXX pode pensar em uma intimidade.Pois ele e um ser XXXXXXXXXXX e nao existe salvaçao para estas pessoas,pois a palavra de Deus nao relata,pois Deus o deixou eles cavarem as proprias covas,pois o proprio Deus fez vazo de honra e vazos desonra Romanos cap.9 vs 22.

    Fernando disse...

    Caro Ricardo,voce esta certo de chamar XXXXXXXX,pois tambem creio se existe algum ser superior ele nao salvaria este tipo de pessoa,pois esta classe XXXXXXXXXX e nao merece nenhum conceito de etica,pois etica eles nao tem pois querem destrir o nucleo familia.Pois voces que estao questionando este ser estao de parabens,pois estou acompanhando o blog,pois foi um amigo que indicou-me,a pesar de nao acreditar nem no ceu nem no inferno este ser deve perecer.fuiiiiiiiiiiii

    ResponderExcluir
  47. Caríssimos,

    Dá para ter paciência e argumentar até certo ponto. Desisti de ler os comentários no meio, então falarei apenas sobre o que li.

    Isaías, xingar e agredir não é argumento. Você pode até dizer que alguém é idiota, se for (e você está na lista dos meus seguidores, então sabe do que falo). Há argumentos seus, é fato. Mas prove a tolice do tolo. Pois há tanto ad hominen no que você escreve que os argumentos se perdem.

    Aos demais, o Isaías já deu sua posição: a Palavra é Cristo. Isso num sentido bem barthiano, embora talvez não seja em Barth que ele se apóie. A partir daí, argumentar biblicamente é inútil. Os argumentos "bíblicos" dele nada valem, e eu não estou propenso a considerá-lo cristão, não pelo homossexualismo que ele parece assumir, mas desde que não recebe a revelação proposicional e verbal. Mas, enfim, Deus o julgue. Se cristão ou não, ele responderá ao Senhor!

    Ainda algumas notas:
    1) "Crêem no que? Num amontoado de pergaminhos velhos e empoeirados, ou creem no Cristo vivo de Deus?". Cremos no Deus Vivo revelado nos pergaminhos velhos e empoeirados. E no Cristo ressurreto, perfeitamente homem e perfeitamente o mesmo Deus Vivo, conforme as mesmas Escrituras velhas e empoeiradas!
    2) De fato, o José Roberto (acertei o nome?) está certo em apontar para que se Jesus não afirma algo não implica em que nega. Assim, mesmo que ficássemos apenas com as palavras de Jesus, registradas nos pergaminhos velhos e empoeirados, não haveria base para afirmar o homossexualismo como bíblico (nem como antibíblico, devemos admitir). Apenas uma afirmação categórica, afirmativa ou negativa, poderia. Porém, encontramos várias dessas afirmativas categóricas em outras páginas dos pergaminhos velhos e empoeirados. A negação do restante dos pergaminhos como revelação aponta para a própria motivação da negação.
    3) Dizer que o homossexualismo é socialmente construído não nega o artigo. Ao contrário, confirma. Ao se falar no artigo da situação hipotética de um mundo de homossexuais, está-se chamando a atenção justamente para a cauterização da mente quanto ao pecado pela construção social ora em andamento. Isto, que a opção sexual seja socialmente construída, não justifica ou anula o pecado. Antes o confirma, conforme a depravação deste mundo corrompido por ele.

    Bem, já estou a falar mais do que pretendia no princípio. Já basta, portanto.

    No Senhor,
    Roberto

    ResponderExcluir
  48. Parece que cheguei meio tarde e todos já foram embora! rsrs
    Mas olha, eu resolvi ler um pouco mais. E, ora vejam, é engraçado como as pessoas não concebem um Deus onipresente e uma vida diante dele. Mais engraçado é que ainda o vejam como um grande-estraga-prazer-cósmico que está a nos vigiar para que não tenhamos prazer. Quer pintem este deus como o nosso ou como o deles, é sempre ridículo:
    "Quer dizer que transando com a sua mulher você está 'praticando uma verdade de Cristo'? Gozado... E eu pensando que você só estava se divertindo; ainda mais pelo fato de a sua mulher usar métodos anticoncepcionais para impedir a ordenança divina do 'crescei e multiplicai-vos'...".

    Em minhas próprias palavras segundo uma antiga postagem:
    "Recentemente li um texto em algum blog (que já me fugiu da memória) de um muito esperto e deveras sábio cristão não-reformado que com palavras irônicas semelhantes a estas zombava das Escrituras:
    'Será que fazemos tudo para a glória de Deus? E isto intencionalmente? Será que fazemos amor para a glória de Deus? Será que vamos ao banheiro para a glória de Deus? Será que Deus é glorificado quando fazemos sexo? Será que Deus se satisfaz com nossas necessidades?'
    Sei que isso ofende a muitos ouvidos, sensíveis por demais, mas a resposta a estas perguntas, que se pretendem difíceis, dadas por aquele que entende ser a finalidade do homem o Soli Deo Gloria é um convicto e sonoro sim. Aquele que tem o calvinismo por cosmovisão coloca o homem em seu lugar e entende seu significado coram Deo. E, assim, sem a dicotomia sagrado/profano, entende que tudo que faz, seja o uso natural, sadio e correto do seu corpo, seja o prazer do amor sob Sua benção, seja qualquer outra coisa, tudo é culto ao Criador, tudo é para a Sua glória"!

    Que Deus seja glorificado em mim, naquilo que faço e penso!
    NEle,
    Roberto

    ResponderExcluir
  49. Caro filósofo Fábio correia,observando seu texto,devemos perceber que não devemos confudir o pecado com o pecador, já que a bíblia diz que Deus abomomina o pecado mais ama o pecador e tambem que não devemos fazer exepção de pessoas,diante disso,ama o homosexual perante a Deus?? ou odiar perante os homens? Sergio Ricardo radialista[DRT 2512]

    ResponderExcluir
  50. Roberto Vargas, nunca é tarde para anunciar a verdade! Até rimou rsrsrs.

    Sua colocação é por demais valiosa! Engraçado é dizer que o Isaías "imita" e "conhece" a Cristo se deitando com homens, coisa que Ele abomina!

    O pior de tudo é saber quem disse a ele que minha esposa utiliza de métodos anticoncepcionais para não engravidar!!!! E olhe que eu tenho um filho! Será que foi um milagre? Ou um nascimento virginal??? kkkkk

    Sérgio,

    Onde a bíblia diz que Deus abomomina o pecado mais ama o pecador? Onde Deus diz que ama o homossexual?

    Mais a cima eu citei Romanos 1.18-32. Leia e veja o "amor" de Deus para com os homossexuais!!! rsrsr. Se isso é amor, seu não viu...

    ResponderExcluir
  51. Onde se lê: "Se isso é amor, seu não viu... ", leia-se "Se isso é amor, sei não viu...".

    ResponderExcluir
  52. Ok!Presbitero aceito sua explicaçao,mais nao mudo a minha opinião,pois estou baseado nas escritura ref.Levitico 20:12,Romanos 1:18-32,pois voce mim conhece muito bem.

    ResponderExcluir
  53. olha sérgio é por conhecer a bíblia e amar a todos que devemos dizer a verdade, homossexualismo não é de DEUS, CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ,

    ResponderExcluir
  54. 1 Coríntios 6:9 Ou não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas,

    Romanos 1:20 Porque os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas. Tais homens são, por isso, indesculpáveis;
    21 porquanto, tendo conhecimento de Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças; antes, se tornaram nulos em seus próprios raciocínios, obscurecendo-se-lhes o coração insensato.
    22 Inculcando-se por sábios, tornaram-se loucos
    23 e mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, bem como de aves, quadrúpedes e répteis.
    24 Por isso, Deus entregou tais homens à imundícia, pelas concupiscências de seu próprio coração, para desonrarem o seu corpo entre si;
    25 pois eles mudaram a verdade de Deus em mentira, adorando e servindo a criatura em lugar do Criador, o qual é bendito eternamente. Amém!
    26 Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas por outro, contrário à natureza;
    27 semelhantemente, os homens também, deixando o contacto natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro.

    ResponderExcluir
  55. Caríssimos, obrigado pelo excelente debate que têm promovido.

    Roberto Vargas: Entendi perfeitamente o que disse em seu último comentário e assino embaixo. Segura essa aí..rs..apenas para reacender o debate: Se tudo deve ser feito para a glória de Deus, como se para o próprio Deus, os homossexuais não poderiam argumentar que procuram sempre ser os "melhores e os mais femininos" porque estão fazendo isso para a Glória de Deus? Afinal, tudo que fizermos, não deve ser para sua glória? (rs...desculpem a apelação, mas é só pra ficar absolutamente claro para todos o que o Roberto quer dizer com isso ok?)

    Sérgio: Pegasse em bomba heim?..rs...

    Ricardo Lima: Realmente o conheço muito bem..rs. Sei que não acreditas muito no poder transformador do evangelho.rs...

    ResponderExcluir
  56. Fábio, meu caro,
    É claro que eles sempre podem alegar tal coisa. Mas para isso deverão jogar o texto das Escrituras fora. É o que o Isaías faz ao dizer-se neo-ortodoxo (bem, ele não faz exatamente isso, mas não é difícil inferir do que ele diz seu barthianismo). Só ao negar a Palavra como Palavra é que eles podem sugerir que o homossexualismo não seja pecado e possa ser para a glória de uma divindade.
    Assim, é preciso glorificar um outro deus para cumprir sua alegação, nunca o Deus Vivo e o Logos Eterno das Escrituras! Percebemos a idolatria?
    No Senhor,
    Roberto
    PS: Heitor, obrigado pelo "em tempo"! rsrs

    ResponderExcluir
  57. Caríssimos:

    Um argumento constante neste debate foi o texto de Romanos 1. Gostaria de comentários sérios sobre este assunto. Baseado no texto citado poderia dizer que não há nemhuma possibilidade de salvação para os homossexuais?

    ResponderExcluir
  58. É lamentavel chegamos ao ponto de lutarmos contra algo que as ESCRITURAS é tão explicita em sua condenação, a pratica do homossexualimo, e o pior é que toda sociedade vem desenvolvendo uma hipocrisia tamanha se dizendo a favor dessa pratica pecaminosa reprovavel, pois a tvs,revista meios de comunicação chove de piads com os gays e depois na hora de debates mosram naturalidade com o caso, mas na verdade ninguem considera um gay mormal,muito menos as ESCRITURAS, no dia que alguem mostrar DEUS CRIANDO UM GAY COMO CRIOU MACHO E FÊMEA tenho que concordar com essa nova espécie, alias gostaria que alguem me respondesse: Já que DEUS criou homem (macho) e femea(mulher) em que classe entram os gays???????? JONAS CARVALHO.

    ResponderExcluir
  59. Acredito na salvação de um ex-gay e nunca de um gay, pois em lugar algum a bíblia mostra alguem com essa pratica sendo salvo a não ser que venha deixar tão insulto contra a criação de DEUS. Devemos amar o ser humano mas abominar essa pratica recheada de engano,pecado e mentira. JONAS CARVALHO

    ResponderExcluir
  60. aaah legal, agora a biblia caiu do céu? sabiam q ela foi escrita por gente como eu ou vc? aff cara salvação, salvação não tem quem é ignorante ocmo vcs, só isso são dignos de pena :)

    ResponderExcluir
  61. Olá Anônimo:

    Pelo seu comentário devo presumir que és homossexual? Por isso também o anonimato? Bem, devo dizer que seu comentário é sempre muito bem vindo. Suas palavras, entretanto, são bem subjetivas. Que tal tentar refutar o artigo?

    ResponderExcluir
  62. Devo deixar um comentário, sobre esse artigo, sei que homossexualismo segunda a palavra de Deus ao qual creio é errado, porém passo por isso em minha vida, e sei que a grande parte dos homossexuais, gostariam de não ter vindo assim ao mundo, por isso nao defino como escola mas sim de condiçao, julgar é fácil, mas só quem passa por isso sabe o que é, creio que nenhum homossexual quer ser discriminado, apontado, humilhado perante a sociedade, já fiz inúmeras oraçõea a Deus já tentei mudar segundo essa idiota teoria do livre-arbitrio e nada resultou, creio que a libertação está na vontade soberana de Deus em resgatar a pessoa da mão do inferno e das mãos dela mesma, porque ela está morta ofensas e pecados!!! sou contra essa lei que está por ai em votação, ´porque ela tem muitas leis autoritáias, mas ao mesmo tempo sou contra a discriminação aos homossexuais, porque nós somos seres humanos,sei que Deus abomina tais práticas, mas como disse, a regeneração vem do alto como uma dádiva e dom perfeito, pensem no que escrevi,"não diga á um alcoolátra como é ser dependente de álcool se vc nunca foi dependente, nunca diga á um homossexual largar de ser homossexual se ele é preso nesse pecado, olhar e analisar de fora é fácil e julgar ainda mais, mas um dia estaremos diante do justo juiz,que é Jesus, toda honra pra ele, por ele e para ele!!!!!

    ResponderExcluir
  63. Prezado anônimo:

    Compreendo sua angústia. Fico feliz por ter lido nosso texto. Espero ter ajudado de alguma forma.Como ficou claro, vc sabe exatamente o terreno em que está pisando. Sabes que biblicamente não há nada que lhe diga que está tudo bem. Meu caro, o cristinismo é uma "religião" de renúncias. O seu pecado não é mais grave que outros pecados, porém, assim como devemos abandonar qualquer outro pecado para seguir a Cristo, não será diferente com vc. Lembra-se? "Quem quiser ser meu discípulo negase a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me". Qualquer coisa diferente disso é uma escolha de rejeição à Cristo. Você acha o quê? Que os heteros não precisam renunciar várias vontades e desejos? Que os ladrões não precisam calar sua compulsão pelo roubo para seguir a Cristo? Note: discípulo de Cristo não é aquele que não tem desejos por coisas erradas ou ainda que não se sente tentado e sim aquele que, mesmo querendo muito algo, abre mão do seu desejo para realizar o desejo de Deus, que é sempre o melhor. Não preciso mais dizer aqui o que vc já sabe. É uma questão de atitude. O que vai ser? O Espírito Santo é auxílio e fortaleza. Ele dá a força necessária para largar o pecado. Arrependa-se e recomece sua vida. Muitos, como pode ver, não acreditam na exsitência de ex-homossexuais. Eu, porém, creio no poder transformador do evangelho. Arrependa-se, confesse seu pecado e recomece sua vida dentro dos preceitos requerido por Deus.

    ResponderExcluir
  64. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  65. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  66. Caro filosófo calvinista, venho te dizer que seu argumento ao qual respeito mas não concordo, não vem apoiar a soberania de Deus, porque eu creio que primeiro vem a regeneração,e com ela vem o arrependimento verdadeiro e a fé salvifica, porque jesus fala não "quererdes vim a mim para terdes vida" se tivessemos vida em nós mesmo ele não teria falado isso, mas se vc ler também em joão 1:13 fala que " os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus." Isso quer dizer que o novo nascimento não depende de quem quer ou de quem corre atrás, mas de quem Deus se compadece, apoiado isso em romanos 9, em filipenses 2:13 fala "Porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade" em efésios 2 fala "E vos vivificou, estando vós mortos em ofensas e pecados" então quer dizer que ele nos vivificou porque não tinha vida em nós, não acredito que o homem possa contribuir com Deus em sua salvação, porque a palavra fala em isaías 64:6 "Mas todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo da imundícia; e todos nós murchamos como a folha, e as nossas iniqüidades como um vento nos arrebatam" isso quer dizer que nada que o homem produza mediante a esforço dessa carne pode agradar a Deus, como pode entender as coisas espirituais se ele não nasceu de novo, tenho a convicção que não nasci de novo e nem tive um encontro com jesus, porque jesus fala em sua palavra que quem conhece ele a palavra permanece nele, não digo que a pessoa que nasça de novo não peque, mas creio que ela vai ser levada pelo novo coração e cristo que foi implantado nela em seu novo nascimento, a viver uma vida de arrependimento após arrependimento e santidade após santidade,se analisares a palavra de Deus verás em ezequiel 36:25 e 26 "Então aspergirei água pura sobre vós, e ficareis purificados; de todas as vossas imundícias e de todos os vossos ídolos vos purificarei.

    ResponderExcluir
  67. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  68. E dar-vos-ei um coração novo, e porei dentro de vós um espírito novo; e tirarei da vossa carne o coração de pedra, e vos darei um coração de carne" isso quer dizer Deus opera a salvação e a santificação do justo, porque a pessoa tendo cristo, ela vai praticar as obras preparadas de antemão em cristo jesus" abra a mente caro filósofo e saiba que quem está no controle de tudo é Deus, quantas vezes me esforcei, quantas vezes chorei por causa do pecado em minha vida, e quantas vezes confessei a deus que o pecado me atrai, como um abutre a carcaça exposta lhe parece apreciável" é duro ver pessoas que não compreendem, mas eu te compreendo porque pecado é pecado, mas as consequências são totalmentes desiguais, digo que vai chegar a plenitude de tempo em minha vida, como chegou na vida de habacuque, como chegou na entrega da vida de Jesus para ser o penhor de nosso pecado, porque no seu devido tempo se cumpriu o designio do Altissímo!!!! reflita porque esses argumentos apoiados por voc^ê, me lembra uma teoria bem aceita nas igrejas evangélicas sobre o suposto livre arbitrio, não falo que não tenho responsabilidade no que faço, de maneira nenhuma, mas ninguem escolhe ser gay, isso denomino como uma condição. Como uma pessoa pode aceitar a Jesus, se a palavra fala que não escolhestes vós a mim , mas Eu escolhi a vós!!!! Creio na eleição, creio que Deus salva em sua justa misericórdia e ainda que ele não salvasse ninguém ele continuaria digno de honra e glória para todo sempre, amém!!
    Um morto não pode levantar de seu caixão e caminhar, a não ser que o próprio Deus faça como ele fez com lázaro dizendo no poder da palavra "Lazáro vem para fora" odeio esse tal livre arbitrio, primeiro pra começar, se existisse livre-arbitrio o homem poderia ter escolhido muitas peculariedades da vida, como seria a cor do cabelo, como seria a cor dos olhos quem seria os pais e por ai vai, e se Deus fosse deixar o homem escrever sua palavra pelo esse suposto livre arbitrio, ele iria estar torcendo os dedos para que escrevesse algo edificante, mas não!!! ele usou os vasos mediante a instrução e direção do Espírito Santo" ele não deixa nada ao acaso, ele está no controle de tudo, sendo que jesus fala a carne não produz nada de bom mas é o Espírito que vivifica" a pessoa que nasceu de novo se glorifica nas tribulações porque joão fala que não e penoso servi a Deus, creio que ele se deleitava em cristo que estava vivendo com ele"
    sequiser falar comigo me deixe seu msn por aqui que estarei a querer compartilhar!!! fique na paz caro filósofo!!!!

    ResponderExcluir
  69. Anônimo:

    Você também está correto. só não esqueça que a bíblia está cheia de textos chamando o pecador ao arrependimento. Clao que que ele só vai à Cristo se ele mesmo o trouxer. Note: o chamamento deve ser feito a todos, mas apenas os eleitos responderão positivamente a esse chamado.

    ResponderExcluir
  70. Creio que o homem tenha sim responsabilidade sobre seu pecado, mas Deus permite escolhas e aponta o caminho correto de viver, mas ele mesmo sabe que o homem não é capaz de faze-lo, porque também sabe que precisa de sua operação e seu poder, porque a palavra fala não há um justo sequer, não há quem entenda, e não há quem busque a Deus. Resumindo Deus no final detém o controle de tudo, e até mesmo a salvação do homem!!!!

    ResponderExcluir
  71. Caro Filósofo Calvinista, parabéns pelo blog e pela excelente exposição sobre o homossexualismo. Se por um lado fico muito feliz por ver homens sábios defenderem eloquentemente o cristianismo bíblioco-reformado(como você tem feito com galhardia), por outro fico triste com tanta ignorância por parte dos humanistas modernos(como o Isa), que tentam justificar seus atos pecaminosos utilizando-se de argumentos falaciosos e sofísticos, e, pasme, até mesmo da Bíblia! Que O Senhor levante cada vez mais homens de corajem e com vocação apologética para defenderem a Verdade Absoluta(as Escrituras Sagradas), pois "os dias são maus"(Ef 5.16)
    Um abraço e que Deus te proteja!
    Cristus Victor!

    ResponderExcluir
  72. Só tem uma coisa que não entendo nesta discussão toda: a idéia cristã principal, a que todos devemos seguir, não é de respeitar a escolha das pessoas e não julgar? Porque vocês se acham no direito de dizer o que é certo e o que é errado para os outros? Deixem cada um escolher a vida que decidiu viver! Amem aos seus semelhantes, ajudem quando solicitados, vivam a vida que escolheram, pois é direito de vocês. Meter o bedelho no direito do outro não é não...

    ResponderExcluir
  73. Prezado Anônimo:

    Não é a questão de deixar cada um viver como quiser. Na verdade é nossa obrigação como cristãos ensinar os preceitos de Deus. E um preceito muito claro é que o homossexualismo é pecado. Só isso.

    ResponderExcluir
  74. “A impressão que temos ao andarmos pelas ruas é que o mundo está mais gay. E põe gay nisso. Mas, você pode argumentar: isso sempre existiu, desde os primórdios. Pode até usar o exemplo de Sodoma e Gomorra para dar autoridade à sua afirmação. Isso é verdade; tenho que concordar: sempre existiu mesmo; mas as coisas estão diferentes agora. O mundo gosta dos gays. O mundo quer ser gay. Eles estão no auge. Certamente vivem seu melhor momento. Tudo conspira em favor dos gays. É PL-122, é parada gay, é amizade de políticos importantes e até ministros; é cair nas graças da mídia, é conquistar direito de beijar na boca de mulher bonita, ainda que seja só para dar ibope. Ser homossexual hoje em dia é fazer parte de um grupo de “intocáveis”, no bom sentido. É ter tratamento diferenciado do Estado, ter direito de casar, de adotar, de ser padre, de ser pastor, pai de santo nem se conta (essa já é uma antiga conquista), é ter direito a herança e até pensão alimentícia. Quanta diferença: antes, humilhados, perseguidos e lançados às fogueiras. Hoje, aplausos e holofotes fazem parte de suas rotinas.”

    Sim... Homossexualidade e homoafetividade sempre existiram. Se está no seu melhor momento, não tenho tanta certeza. Não sei se na Grécia Antiga ou na Roma Antiga os gays eram vítima de homofobia como ainda acontece hoje.

    O mundo não está mais gay. Os gays não estão aumentando em número. Estão apenas aumentando em qualidade de vida. Deixando de ser humilhados, perseguidos e lançados às fogueiras. Isso permite que a enorme porcentagem dos gays que não se assumiam, percam o medo de assumir sua orientação/condição sexual. O mundo não está mais gay. Está mais compreensivo, mais justo, mais fraterno.

    A PL-122 é uma proposta de lei que pretende conceder um direito já concedido aos negros, de criminalização da atos violentos, constrangedores, intimidatórios ou vexatórios em relação a orientação sexual. Não proíbe ngm de expressar sua opinião ou fé. Assim como não é crime pensar ou até mesmo conversar sobre opiniões pejorativas quanto a negros, não será crime achar que não-heterossexuais vão pro inferno, não será crime o pastor dizer na igreja que está na bíblia que homossexuais vão pro inferno ou algo assim. Todos temos direito a livre expressão, mas nossos direitos devem ser limitados de forma a garantir o direito dos outros e esse papel é do Estado. O Estado brasileiro deve ser Laico. Ser cristão é uma opção que não deve ser defendida pelo Estado em detrimento de outras condições ou opções. Todo cidadão tem direito a não sofrer atos violentos, constrangedores, intimidatórios ou vexatórios, e a lei deve garantir esse direito.

    Ser homossexual não é ser intocável ou ter tratamento diferenciado do Estado. Pelo contrário. A exemplo da PL-122, o Estado está evoluindo pra garantir que uma minoria, não menos cidadã que os demais, tenha seus direitos, antes ignorados, respeitados. Não dá direitos exclusivos aos gays, apenas corrige o fato de alguns direitos ainda serem negados a eles. Todos os políticos importantes/ministros têm amigos. O circulo de amizade deles deveria excluir homossexuais? Direito de casar, de adotar, de ser padre/pastor/pai de santo, a herança/pensão alimentícia é não é tratamento diferenciado. Os héteros podem. Os gays também devem poder. Não é diferenciar, é, pelo contrário, ser justo e tratar igual.

    ResponderExcluir
  75. “Tornar o mundo gay é um dos principais projetos da mídia, encabeçada pela Rede Globo de televisão, ao lado de tornar o mundo espírita (postarei sobre isso em breve). Mas, a Globo (pessoa jurídica) é uma convenção; não existe de fato. Melhor dizendo, então, o projeto é um projeto pessoal dos gays que dominam a grande mídia. Eles querem tornar o mundo mais “colorido”, mais “homo-gêneo”. Veja o vídeo abaixo:”
    “Não duvidem: os gays querem dominar o mundo. Estamos no meio de uma grande revolução: a “revolução purpurina”. Temos que tirar o chapéu; é uma grande sacada. Mas isso não é nada original. Estão tão somente copiando Herodes. Lembram? Aquele que cortou a cabeça de João Batista porque insistia em denunciar seu erro, seu pecado. Como não dá pra cortar a cabeça de todo mundo, que tal tornar todo mundo igual, até os “João”? Perfeito; brilhante.”
    “Esse projeto tem como principal alvo as crianças. Muito material tem sido produzido com esse fim. É um projeto, originalmente, a longo prazo, mas, como já faz algum tempo que está em andamento podemos perceber, claramente, hoje, que está dando certo. Já perceberam que cada vez mais adolescentes de 12,13,14 anos estão assumindo sua identidade homossexual, como nunca visto antes? O momento é propício; até os pais aceitam numa boa. Mas isso não aconteceu de repente, por acaso. Nada muda de uma hora para outra. Isso é fruto de muita inteligência, poder de persuasão (via mídia) e trabalho duro. Um verdadeiro comprometimento com um projeto de vida. As investidas começam desde muito cedo através de mensagens subliminares contidas nos desenhos animados, filmes, músicas, livros e outras mídias. Lembram da antiga paródia a esse tipo de mensagem - “Compre baton, compre baton”- ?. É assim que funciona, só que não como paródia e sim numa linguagem imperceptível ao consciente: “seja gay, seja gay”. É uma violação à liberdade. Não há armas para lutar contra isso; elas chegam, queiramos ou não, ao nosso inconsciente, onde não dominamos; ali se instalam e, paulatinamente, vão sugestionando o indivíduo. Aqueles que não possuem (via família, religião, sociedade, etc) o antídoto, acabam sendo arrebanhados. Eis aí o resultado: homossexuais cada vez mais precoces.”


    Todos podem acreditar nas teorias conspiratórias que quiserem. Só volto a corrigir: a luta dos homossexuais não é por transformar as outras pessoas em gays. É apenas para garantir seus direitos que ainda são negados. Direitos fundamentais de cidadão. Não tratamento diferenciado, mas tratamento justo de um Estado laico. E: mais adolescentes assumem a sexualidade e mais cedo, porque, felizmente, o preconceito diminuiu. Os homossexuais não aumentaram em número, apenas não sofrem mais tanta agressão, o que permite diminuição do medo de assumir.

    ResponderExcluir
  76. “Apesar da “tentação”, não vou citar a Bíblia. Todos já sabem que Deus abomina tais práticas, e, às vezes, pune severamente (Romanos capítulo 1 – op’s, desculpem, não resisti). Mas, como poderia Deus punir algo que já vem no DNA, no sangue, como se diz? Teria Ele esse direito já que, neste caso, o gay não tem escolha? Ou seja, já nasce gay? Não seria injustiça tal punição? São algumas indagações apologéticas feitas aos religiosos que, com argumentos religiosos, combatem e “denunciam” o “erro” ou o “pecado” do homossexualismo.”

    “O entendimento atual da questão, é bom que se saiba, diferentemente do que foi no passado, não vê esse tipo de prática como uma doença ou ainda como uma ação demoníaca. É uma opção livre, racional e social. Bom, particularmente não concordo totalmente. Tenho problemas com a questão da “livre escolha”. Entendo que é uma situação forjada, um comportamento aprendido, mas, ao mesmo tempo, conduzido e direcionado, como já argumentei acima; se quiserem chamem isso de “teoria da conspiração”. Contudo, não nego: “escolher essa opção” é seguir a propensão natural que temos ao erro (a qualquer erro); é ativar o gatilho do mal que já existe em nós – somos naturalmente maus. Notem: o gatilho do mal já existe, como argumenta o filósofo Agostinho de Hipona, não o DNA do homossexualismo. O que quero mostrar, nesse momento, é tão somente que a argumentação da “livre escolha”, da “opção por ser gay”, acaba sendo “um tiro no próprio pé”, ou seja, só reforça e dá munição aos religiosos.”

    Só gostaria de explicar uma coisa: o entendimento atual da questão realmente não vê esse tipo de prática como doença ou ação demoníaca. Isso não significa dizer que não é/tem influência genética. Cor da pele é genético, mas não é doença. Cabelo liso ou crespo é genético, mas não é doença. Existem evidências de que exista sim uma forte influência genética na homossexualidade, o que a torna uma variação genética, como cor de pele ou tipo de cabelo. Não uma doença.
    Não entro em discussão religiosa. Apenas devo relembrá-los que Cristo assinaria embaixo de uma lei que garantisse que uma parcela da população que sofre violência (física, verbal ou psicológica) seja protegida dessa violência. Que eu saiba... Cristo jamais pregou contra a homossexualidade. Mais que isso, mesmo que ele tenha pregado, tenho certeza de que não pregou qualquer tipo de violência contra homossexuais. E é contra essa violência, com a qual, tenho certeza, Cristo não concordava, que os gays lutam. Não pedem pra ngm abandonar sua fé. Não pedem pra ninguém ser seu amigo na marra. Não pedem pra ninguém deixar de acreditar que eles vão para o inferno. COM TODA A CERTEZA, não pedem pra ngm se tornar homossexual. Apenas lutam contra a violência a que foram submetidos por religiosos do passado (e muitos do presente ainda) que confundiam” não aprovação” com violência, agredindo fisicamente, verbalmente e, principalmente, psicologicamente. Esqueceram do Amor. Cristãos não deveriam temer um mundo onde os gays tem os mesmos direitos que o resto da população. Cristãos deveriam temer um mundo onde a violência é considerada normal quando dirigida a uma minoria em especial. Deveriam se engajar na aprovação da PL-122, que é, mais que tudo, uma proposta contra a violência.

    ResponderExcluir
  77. “Concluo essa breve análise com algumas perguntas: O que acontecerá com o “futuro” mundo gay? Quais os resultados se todos (menos eu, afinal, quem iria escrever sobre isso?), a bom termo, se engajarem no projeto mundial de tornar o mundo gay, colorido, homossexual?”

    “Ora, por definição homossexualismo é a “atividade sexual entre dois indivíduos do mesmo sexo [...]adj. Relativo a afinidades ou atos sexuais entre pessoas do mesmo sexo”, conforme: http://www.dicionariodeportugues.com/?busca-palavra=homossexua.”

    “Sendo assim, em 80 anos estará decretado o fim da humanidade.”

    “O homossexualismo é, em última análise, uma pregação escatológica. É o anúncio do fim. Não do mundo, mas das pessoas. Os homossexuais, por conseguinte, são os “PROFETAS DO FIM DA HUMANIDADE”. Em escatologia diríamos que já estamos vivendo o “princípio das dores”.”

    Preciso repetir novamente: não são os gays que abominam e acham que os heterossexuais deveriam deixar de existir. É o contrário. Nenhum gay, pelo menos que eu tenha conhecido, quer transformar o mundo num mundo gay. O mundo não é gay, não é heterossexual. O mundo já é DIVERSO. A diversidade EXISTE. Os gays não lutam pra acabar com ela. Não lutam pra exterminar os heterossexuais, acabando com a diversidade. Pelo contrário. MUITO pelo contrário. Eles lutam pelo reconhecimento e respeito à diversidade. Não lutam por um mundo gay. Lutam por um mundo sem violência e com direitos iguais.

    ResponderExcluir
  78. Prezado Oscar:

    Obrigado por sua opinião. Certamente é uma palavra muito importante para todo esse debate.

    Concordo com você quando diz que o Estado laico deve promover a justiça, inclusive, para as minorias. Já escrevi sobre isso aqui no blog, no artigo "E O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL ESTAVA CERTO...".

    Contudo, não concordo com você quando fala da necessidade de uma lei para proteger os gays. Veja o que você diz "Todo cidadão tem direito a não sofrer atos violentos, constrangedores, intimidatórios ou vexatórios, e a lei deve garantir esse direito".

    Meu caro, a constituição já é suficiente para combater esse tipo de atitude deplorável.

    Não posso concordar, em hipótese alguma, quando vc diz que o homossexual precisa ter "o direito de ser padre e pastor". Quanto a "pai de santo" não precisa comentar, pois esse "direito" já é quase uma prerrogativa.

    Para ser Pastor e padre se faz necessário que essas igrejas abandonem por completo a bíblia, como aliás, algumas igrejas têm feito, pois se ainda derem algum crédito à bíblia isso é impossível, pois a a bíblia trata a homossexualidade como uma abominação e uma afronta a Deus.

    Também não posso concordar com o discurso de que "o importante é o amor". Quando Jesus fala em amor, certamente não é o amor de um homem por outro homem, nem de uma mulher por outra mulher. Nem ao mesmo de um homem por uma mulher e de uma mulher por um homem. Quando Jesus fala de amor está se referindo ao amor "Ágape" (amor de Deus) ou ainda ao amor "fraternal" (de um irmão por outro) e não, em momento algum, se refere ao amor "Eros" (que tem a ver com atração sexual).

    Por fim, pergunto: se você tivesse um filho, trabalharia e o incentivaria a ser gay?

    ResponderExcluir
  79. Meu amigo só faltou você sugerir que a sociedade elimine todo e qualquer gay que houver na terra. Aliás você possui pensamentos bem parecidos com os de Hitler. Ele queria uma raça "pura". É só mudar de judeu para homossexual aí você manda exterminar a todos. O preconceito infelizmente reina e vc é incapaz de enxergar que isso provoca muitas injustiças. Porque o diferente lhe agride tanto? se o fato de haverem gays e isso o incomoda tanto, acho que vc deveria reavaliar o porquê disso afetá-lo tanto. A meu ver você os encara como uma ameaça. Então a pergunta que vc fez direciono para vc mesmo: e se vc tiver um filho gay? vou responder por vc: coitado dele! cuidado, pois o que vc mais teme pode se meterializar em sua vida.

    ResponderExcluir
  80. Cuidado, pois o que vc mais teme pode se materializar em sua vida.

    ResponderExcluir
  81. Caro anônimo:

    O post não tem nenhum conteúdo homofóbico. O grande problema de vcs gays é porque querem ser intocáveis. Meu caro, apenas estamos, aqui, discutindo a questão do homossexualismo e levantando algumas críticas. Nada mais que isso. Por que não tenta contra-argumentar?

    Ah, só para seu conhecimento: eu não temo nada disso que você disse. Se meu filho se tornar gay? Bom, isso não mudará em absolutamente nada minha opinião. Se isso acontecer ele terá que assumir todos os ônus de uma escolha consciente por uma vida pecaminosa. Certamente eu não abonaria essa escolha, mas a bronca maior não é comigo, meu caro, e, se, com os preceitos eternos de Deus. Todos claramente transcritos na bíblia.

    Tudo de bom!

    ResponderExcluir
  82. esse é o problema gay julgando porque foi criticado eo outro jungando o gay,cara esse mundo tá uma merda pessoas passam fome,sede e diversas doenças e as pessoa dicutem por bobagem,cada um sabe oque faz da vida mas depois tambem tem que ter a capacidade de aceitar os comentarios dos outros.a HUMANIDADE tá realmente na finaleira,agente tá achando q é a ultimo biscoito pacote,pensem atacamos o mundo até hoje com toda merda q fazemos,o mundo vai reagir violentamenete,então tente pelo menos algo certo porque se a humanidade ser extinta ninguem vai poder fazer nada.cara pensa nisso tentem se hunir pelo menos nesses momentos finais valew e pensem nisso!

    ResponderExcluir
  83. Lendo seu post, sou obrigado a concordar com muitas coisas e não com outras. Concordo muito quando você diz que ser gay está na moda, é chique, todo mundo quer ser e também que a mídia propaga essa imagem. Tenho visto muitas propagandas dizendo que certo lugar é o paraíso do turismo gay, tudo isso para lucrar com o turismo.
    Mas sou obrigado a discordar quando você diz que tudo hoje está se voltando para gays. Você já parou para pensar quantas pessoas morrem diariamente simplesmente porque são gays? São mortas de uma forma brutal e nojenta simplesmente por serem assim? As leis criadas hoje são para tentar evitar que esse tipo de coisa aconteça. Uma mulher e um homem podem se casar, ter filhos, e ao final da vida de um deles, herdar os bens e pensão. Por que você acha que os gays não tem o mesmo direito, já que trabalhamos, estudamos, consumimos, pagamos impostos, vivemos, comemos, vestimos, como qualquer outra pessoa? Talvez você diga: É porque a bíblia diz. Desculpe, mas acho que isso não cola mais. Olhe para o nosso continente vizinho e veja o que a bíblia deles diz para eles fazerem. Você acha certo matar, destruir, você acha certo que as mulheres sejam obrigadas a viver cobertas dos pés a cabeça, ou que o homem possa se casar com várias delas? A bíblia deles diz que tudo isso é certo. Já parou para pensar que se não fosse pela bíblia deles, talvez as torres gêmeas ainda estivessem de pé, e que muitas pessoas ainda poderiam estar vivas? A bíblia islâmica prega coisas que os cristãos consideram errado. E eles veem do mesmo jeito.
    Por qual motivo você acha quem alguém se tornaria gay, sabendo que teria que viver em um mundo onde achar emprego será difícil, sua família irá te condenar, poderá ser morto na rua por pessoas que tem preconceito, poderá ser humilhado. As pessoas nascem assim. Da mesma forma que mutias nascem cegas, mudas, surdas, paralíticas, mentalmente deficientes. Elas não escolhem, simplesmente são. Se Deus realmente dá a vida para alguém (eu não sou ateu), por que dar uma vida tão miserável? Por que dar a vida a alguém, onde essa pessoa não será amada e não terá paz. Eu nunca matei ninguém, eu nunca roubei ninguém, nunca destruí a vida de ninguém. Muito pelo contrário, eu tento ajudar as pessoas da forma que eu posso. O que faz você e muitos outros pensarem e que eu não vou herdar o reino dos céus simplesmente porque eu amei alguém do mesmo sexo que o meu. Se todos tivessem amor no coração, mesmo que seja por alguém do mesmo sexo, o mundo não seria essa merda que é hoje. Já reparou no trono em que o papa está sentado? Já pensou na quantidade de casas que poderiam ser construídas, ou quantas bocas poderiam ser alimentadas? Qual foi o grande feito que dele para dar-lhe o direito de sentar em um trono de ouro e viver todo aquele luxo. Ser heterosexual? Ser cristão? Adianta o homem ser heterosexual, casado, filhos, bom emprego, se ele larga a esposa em casa para encontrar com outras na rua? E isso é lindo aos olhos da sociedade, é normal, afinal de contas está no instinto do homem. É lindo deixar uma criança apodrecer em um orfanato, sem futuro e depois de adulta ser jogada na rua sem nenhuma base de vida. Mas é feio uma criança ser adotada por dois homens ou mulheres, simplesmente porque são gays. Pense nisso. Pense em quanta desigualdade há no mundo, quanto ódio, quanta maldade e pense também em quantas pessoas estão preocupadas com outras simplesmente porque essas estão amando. Não vou deixar esse comentário como anônimo porque eu adoraria receber uma resposta sua. Quem sabe eu não possa te mostrar um lado diferente da vida e vice-versa. Meu e-mail é phvs.1988@gmail.com

    ResponderExcluir
  84. Olá PHVS:

    Primeiro quero agradecer sua participação nesse importante debate. Você faz algumas provocações muito boas, porém devo comentar algumas delas:

    1) Quanto à bíblia dos mulçumanos a que vc se refere, obviamente que não concordo com todo esse estado de coisas que vc colocou. Por isso mesmo sou Cristão e não Mulçumano.

    2) Me chama atenção você colocar o homossexualismo no mesmo pé de igualdade de doenças, como cegueira e deficiência mental, por exemplo. Quer dizer que ser gay é ser doente? Certamente a maioria dos gays não concordarão com esse seu posicionamento. Muito pelo contrário, a maioria luta para que se reconheça a homossexualidade como uma opção; uma escolha consciente. Na verdade, sua postura não tem nenhum embasamento científico. Não há, meu caro, um gen que provoque esse gosto por pessoas do mesmo sexo. É muito triste saber que pessoas passam por todo esse sofrimento ao se dizer e ao assumir sua homossexualidade. Pensar que tudo isso poderia ser evitado com uma aproximação real com Deus, através de sua palavra.

    3- Você coloca de forma bem interessante a possibilidade de um homossexual entrar no reino dos céus. Ora, como você sabe acerca do reino dos céus? Acaso não é pela bíblia? Se não tivesse a bíblia nada ou pouquíssima coisa conheceríamos a cerca de Deus e dos céus, não é verdade? Bem, da mesma forma que sabemos sobre isso pela bíblia, é só estudar, na bíblia, qual a posição ditada por Deus acerca desse assunto. Não vou repetir aqui, porque, na verdade, você já sabe. Posteriormente poderei, caso tenhas interesse, te passar alguns textos e estudos que tratam sobre essa questão.

    4- Quanto À questão de gays adotar crianças, falas como se todo gay tivesse vontade de adotar uma criança e como se a boa vontade dos gays fosse resolver toda a mazela desse terrível mal do abandono das crianças. Sabemos que não é assim. Um ou outro é que se interessa pelo assunto. Até porque, se o objetivo fosse ter realmente filhos, optariam por um relacionamento hétero.

    5- Por fim,você diz "Uma mulher e um homem podem se casar, ter filhos, e ao final da vida de um deles, herdar os bens e pensão. Por que você acha que os gays não tem o mesmo direito, já que trabalhamos, estudamos, consumimos, pagamos impostos, vivemos, comemos, vestimos, como qualquer outra pessoa?

    Veja: eu nunca disse que os gays não têm o mesmo direito. Pelo contrário, até escrevi sobre esse direito. Esse blog foi um dos poucos que reconheceu como legítima a decisão do STF sobre esse assunto. Leia nosso artigo cujo título é:

    E O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL ESTAVA CERTO: UMA ANÁLISE CRÍTICA DO EVANGELICALISMO BRASILEIRO E SUAS RELAÇÕES COM O ESTADO E COM OS DIREITOS DAS MINORIAS, REPRESENTADA PELOS HOMOSSEXUAIS.

    Em:

    http://filosofiacalvinista.blogspot.com.br/2011/05/e-o-supremo-tribunal-federal-estava.html

    Tudo de bom.

    Espero que a graça de Deus, da qual nem você nem eu somos merecedores, te alcance.

    ResponderExcluir
  85. "É uma violação à liberdade. Não há armas para lutar contra isso; elas chegam, queiramos ou não, ao nosso inconsciente, onde não dominamos; ali se instalam e, paulatinamente, vão sugestionando o indivíduo."

    Na verdade, isso aí se aplica a qualquer ideologia, inclusive ao calvinismo. Daí o que vai ser o "veneno" ou o "antídoto" é totalmente subjetivo e depende justamente dos eventos pelos quais a pessoa passou no processo de adequação ao meio social e das influências que recebeu durante a vida. Tanto é que para outro o veneno pode ser justamente o que aqui foi considerado "o antídoto", e vice-versa! Isso é um tanto complicado viu..! Por que não tentar ver o lado de quem não compartilha da mesma visão de mundo e perceber como um argumento como esse, que eu transcrevi, "corta dos dois lados" e pode ser usado para o próprio conjunto de crenças, e não só para o caso de outros que estão sendo influenciados a coisas supostamente pecaminosas? Tão entendendo?

    ResponderExcluir

Divulgue meu Blog no seu Blog